Setembro a limpo

Ritmo da produção de veículos leves continua em queda no Brasil (Foto: Imprensa/VW)
Ritmo da produção de veículos leves continua em queda no Brasil (Foto: Imprensa/VW)

Queda. Esta é a palavra que resume o ritmo da produção e da venda de veículos no Brasil em 2015 e em setembro não poderia ser diferente. Os dados que a coluna coloca aqui são referentes aos veículos leves (automóveis de passageiros e comerciais leves), divulgados no último dia 6 pela Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea)

Produção

Segundo a Anfavea, a produção de veículos leves em setembro registrou uma diminuição de 20,8% em comparação com agosto. Foram 166.694 mil unidades no mês passado, contra 210.365 mil no oitavo mês do ano. Em comparação com o mesmo período de 2014, a queda fica ainda mais acentuada. Em setembro do ano passado foram produzidas 286.241 unidades, um número 41,8% maior que o registrado neste ano. Já no acumulado do ano, de janeiro a setembro, a produção está em 1,82 milhão de unidades, número 18,6% menor que o registrado no mesmo período do ano passado, quando já tinham sido fabricadas 2,2 milhões de veículos leves.

Vendas

Já nos licenciamentos, os números são piores do que os registrados em agosto, mas a queda não foi tão grande. Em setembro, foram licenciados 192.845 veículos leves, contra 200.103 no mês anterior, uma diminuição de 3,6%. Em comparação com o mesmo período do ano passado, quando foram licenciadas 282.884 unidades, o número deste ano é 31,8% menor. Já na análise do acumulado do ano, de janeiro a setembro, foram vendidas 1,88 milhão de unidades, o que representa uma queda de 21,7% em comparação com o mesmo período de 2014, quando foram licenciadas 2,40 milhões de unidades.

Exportações

Apesar da alta do dólar ter batido recordes em setembro, o número das exportações de veículos leves montados não registrou aumento em comparação com agosto. Pelo contrário, houve diminuição, mesmo que pequena. Em setembro, foram exportadas 30.808 unidades, contra 32.523 no mês anterior, o que representa uma queda de 5,3%. Uma das poucas altas nos números do setor surge quando analisamos o mesmo período do ano passado, quando foram exportadas 23.864 unidades. O índice de setembro deste ano é 29,1% maior. No acumulado do ano, também foi registrada alta. De janeiro a setembro, foram exportados 272.689 veículos leves, número 12,5% maior em comparação com o mesmo período de 2014, quando saíram do país 242.484 unidades.

Mercado

Segundo a Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), a Fiat terminou o mês de setembro como a marca de maior participação no mercado de veículos e comerciais leves. A montadora italiana alcançou 16,56%, contra 14,12% da General Motors (GM) que ficou em segundo lugar. Em terceiro, ficou a Volkswagen (VW), com 13,92%, e, em quarto, a Ford, com 10,13%. A Hyundai aparece em quinto lugar, com 8,23% de participação, à frente de Toyota, em sexto, com 7,48%, Renault, em sétimo, com 7,34%, e Honda, em oitavo, com 7,17%. Completam o TOP10, a Jeep, que ultrapassou a Nissan, com 3,04%, e a própria fabricante japonesa, com 2,92%.

Vale ressaltar que se analisarmos isoladamente os números dos automóveis leves, sem contar com a venda dos comerciais leves, a GM registrou maior participação que a Fiat. São 13,99% da fabricante norte-americana, contra 13,92% da italiana.

Outubro

Nos primeiros dez dias do mês de outubro, o Onix já abre vantagem no ranking da Fenabrave. Foram emplacadas, até sábado, 3.843 unidades do hatch da GM, que segue perseguido pelo Hyundai HB20, em segundo lugar, com 3.088 e pelo Fiat Palio, em terceiro, com 2.874 unidades. Completam o TOP5 temporário, VW Gol, com 2.203, e o GM Prisma, com 2.095.

About Sobre carros

Formado em jornalismo em 2005, Vinicius Palermo trabalha desde 2012 como editor em um jornal carioca. Apaixonado pelos automóveis e pelo Flamengo, ama a família e os animais, por quem luta por dias melhores no futuro. Acredita na máxima de plantar o bem para colher o bem.

Check Also

Despedida da SAAB

Conhecida pela espetacular Volvo e a fora de série Koenigsegg, a lista de fabricantes de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.