Zika Vírus: saiba tudo sobre a doença que já chegou no Rio

Febre, dor no corpo, dor de cabeça e manchas avermelhadas pelo corpo. Esses são os principais sintomas de quem está com Zika Vírus. Mas, segundo Alberto Chebabo, infectologista do Sérgio Franco Medicina Diagnóstica, ainda há outros: “Pode haver conjuntivite associada, dor de garganta e dor nas articulações”. Os sintomas do Zika, que normalmente desaparecem após cincou ou sete dias, tem algumas características parecidas com a Dengue e a Febre Chikungunya.

TRATAMENTO E PREVENÇÃO

Ainda de acordo com o especilista, não existe tratamento específico para curar um paciente com Zika Vírus. Quando a doença é diagnosticada são administradas medicações sintomáticas para controle da dor e da febre. E, como não existe vacina disponível, a prevenção é realizada da mesma forma que Dengue e Chikungunya: o combate ao mosquito transmissor.

Quanto ao o grau de perigo da doença, Chebabo afirma que a letalidade é muito baixa. “Foram descritos alguns casos de manifestações neurológica, mas estes casos são muito raros. A maior parte dos pacientes evolui de forma benigna, com cura após uma semana”, completou.

ORIGEM

Zika é um arbovírus da mesma família do vírus da Dengue e Chikungunya. “É transmitido pelos mosquitos Aedes aegypti e Aedes albopictus. Também há relato de transmissão por via sexual”, explica Chebabo. O vírus, porém,  não é novo e já existia no século passado. Em 1947, foi descrito em macacos em uma floresta de Uganda com o mesmo nome. Depois, em 1954, na Nigéria, os primeiros casos em humanos.

Embora a existência seja antiga, muitas pessoas só tomaram conhecimento da doença recentemente. Essa propagação pode ter uma explicação, segundo Chebabo: “Há uma circulação do vírus na Europa, mas é provável que tenha sido introduzido no Brasil por turistas, provavelmente durante a Copa do Mundo”.

Três perguntas para Alberto Chebabo, infectologista do Sérgio Franco Medicina Diagnóstica:

 

1) O senhor acha que os hospitais e prontos socorros cariocas estão aptos a receber um paciente com o Zika Vírus? Ainda está baixo o número de contaminação, mas há pessoas que tiveram as mesmas características e em hospitais foram diagnosticadas como em reação alérgica.

A doença causa manifestações muito semelhantes ao da Dengue no início do quadro. O diagnóstico diferencial deverá ser realizado através de exames específicos, mas estes exames ainda não estão disponíveis na rede pública de forma disseminada. Neste caso, o mais importante é afastar a possibilidade de Dengue grave, principalmente nos pacientes de maior risco.

2) Usando o caso acima, é possível confundir as características da doença como as de uma crise alérgica?

É possível, mas nas alergias, normalmente não há febre. A presença de febre deve alertar para a possibilidade de uma doença infecciosa, entre elas Zika.

3) Qual a diferença entre o Zika Vírus da dengue, da Febre Chikungunya e Febre Amarela?

Todos são da mesma família, com o mesmo vetor, mas causam doenças diferentes. O Zika, causa menos manifestações graves, enquanto a febre amarela é a mais grave de todos os vírus, com mortalidade muito elevada.

About Bianca Garcia

Co-fundadora do Portal O Rio, Bianca Garcia administra, edita e produz conteúdo para o site e para as redes sociais. Com experiência em jornal impresso e mídia social, a jornalista formada pela FACHA é também graduanda de Letras/Literatura pela UFF e pós-graduanda em Gestão Estratégica da Comunicação pelo IGEC.

Check Also

Mente em Forma para superar a compulsão alimentar

A compulsão alimentar é um problema que atinge até 4% da população geral e 6% …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.