10 dicas para ter dentes lindos e evitar doenças

Mais do que ter dentes bem branquinhos iguais aos das celebridades, mantê-los em ordem significa cuidar da saúde. Alguns problemas, como por exemplo diabetes e doenças do coração, podem estar associados à condição dos seus dentes. A trinca escova, pasta de dentes e fio dental continua infalível na conquista de um belo sorriso. Mas você pode ir muito além. A Beauty Dental Clinic listou 10 dicas para manter a saúde bucal e do seu organismo.

Faça escovação correta: Você escova os dentes quantas vezes por dia? A tarefa pode ser executada apenas duas vezes, desde que cada escovada seja bem feita. Use uma escova macia com cerdas arredondadas e de náilon. Em relação aos movimentos, os circulares são indicados para crianças. Já para os adultos, a escovação dever se feita com a escova num ângulo de 45º na linha da gengiva. Se doer ou sangrar continue o mesmo procedimento. E passe bastante fio dental, quanto mais usá-lo, mais as gengivas ficam resistentes. Não se esqueça de escovar a língua. Ela também acumula bactérias e restos de comida que não saem com a escovação dos dentes.

Mantendo a coloração natural dos dentes: O aspecto amarelado dos dentes não é necessariamente sinônimo de má escovação. Algumas pessoas têm predisposição genética e dentes não tão brancos. Mas o escurecimento ao longo da vida pode ser consequência da má higiene, de uma alimentação inadequada e de alguns maus hábitos. Os vilões mais conhecidos que você deve evitar: cigarro, café, refrigerante, mate, vinho e chá preto.

Dieta saudável: Uma pesquisa da Unicamp e do Instituto Forsyth, nos EUA descobriu ligações entre uma bactéria na boca e a obesidade. Ao avaliar 313 mulheres com sobrepeso ou obesidade de nível 1, em 98% delas tinham alta quantidade da bactéria Selenomonas noxia, enquanto 80% das voluntárias magras não tinham o microrganismo. De olho na balança e também no sorriso saudável, dê preferência aos alimentos com fibras que contêm menos açúcares e precisam ser mastigados mais vezes, o que estimula a produção de saliva.

Preste atenção aos hormônios: A gravidez faz com que a visita ao dentista seja necessária. Níveis mais altos dos hormônios estrogênio e progesterona podem deixar as gengivas mais sensíveis e suscetíveis a infecções secundárias. Alterações hormonais da menstruação também favorecem o surgimento de inflamações gengivais. Elas não são suficientes para causar mau hálito, mas podem exacerbá-lo se a higienização não for correta. A dica é beber mais água no período entre os cinco dias pré-menstruais e ao fim da menstruação.

Observe seus dentes após os 50 anos: A perda óssea é uma das principais causas para a perda dos dentes. Por isso é importante manter uma dieta saudável com ingestão de cálcio e vitamina D. Se você tiver histórico familiar de osteoporose, exames dentários são necessários, já que uma radiografia pode detectar degeneração óssea.

De olho no coração: Estudos mostram que pessoas com doença periodontal podem ter maiores riscos de ataque cardíaco e acidente vascular cerebral, possivelmente porque a infecção aumenta a inflamação por todo o corpo.

Sorria: Pesquisa publicada no Journal of Periodontology diz que a depressão interfere na saúde bucal. As variações hormonais altas da depressão ou até a preferência do doente de ingerir carboidratos e doces, em busca da compensação do prazer no paladar, facilitaria o surgimento de doenças na gengiva e de cáries.

Cuidado com soluções milagrosas: Cremes dentais servem para limpar os dentes e ajudar na eliminação da sujeira da boca. Em caso de impossibilidade de escovar os dentes, recorra às gomas de mascar que ajudam a higienizar a cavidade bucal, porque estimula a salivação. Mas prefira as sem açúcar. Mais atenção aos produtos que prometem clarear o sorriso: o resultado é praticamente nulo.

Use com moderação: Dentes não foram feitos para rasgar embalagens, morder lápis ou segurar presilhas. Exageros levam à danificação do esmalte, de restaurações ou ao “trincamento” de dentes saudáveis. Evite o problema deixando a boca trabalhar para o que foi programada.

Vá ao dentista: O profissional de odontologia pode fazer um diagnóstico completo da sua saúde bucal e indicar os tratamentos mais indicados. O diretor da Beauty Dental Clinic, Egberto França, garante que “algumas doenças graves podem ser detectadas com uma simples visita ao dentista. Hoje existem diversas e modernas técnicas de diagnóstico, prevenção, tratamentos e recursos de estética oral cujos resultados são incríveis”.

*Foto Capa: Reprodução Internet

About Portal O Rio

O Portal O Rio é um portal de notícias online e independente. Criado em julho de 2014, o site tem como objetivo informar sobre o que acontece no Rio de Janeiro.

Check Also

Batons metálicos: entre nessa moda você também

Sucesso há alguns anos, os batons metálicos voltaram com tudo! Mas, calma! Apesar de ser …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.